Notícias
51 mil fãs
193 mil fãs
61 mil fãs
Instagram
Compartilhe Agora!
Luan Santana elege momento inesquecível da carreira: “Meu 1º show”
Publicado 02 de abril às 14:39h

Em comemoração aos seus 10 anos de carreiras, completado em agosto do ano passado, Luan Santana estreou no último final de semana, no Citibank Hall, em São Paulo, a sua nova turnê. Intitulada “X Luan” (10 em algarismo romano), o novo show do cantor reúne elementos antigos e futuristas e faz uma viagem no tempo passando pelos seus maiores sucessos.

Nos bastidores da segunda noite de apresentação, o cantor conversou com a equipe da Glamurama e falou sobre a carreiras e planos para a vida pessoa.

Confira!

Você diz que seus fãs o transformaram no que você é hoje. Em que sentido isso aconteceu?

No sentido de ouvir minhas músicas, de curtir meu som, de me apoiar, de me acompanhar, de me seguir nas mídias sociais, de pedir as minhas músicas nas rádios, eles dão audiência nos programas que vou e sempre me incentivam em todos os sentidos.

Poderia fazer um balanço sobre seus 10 anos de carreira?

Foram 10 anos que o apoio do fã (de todos os fãs) foi o mais importante. Teve um momento em que eu pensei : ‘Será que é isso mesmo o que estou passando?’ E com o apoio de uma fã que me mandou uma carta, acabei compondo uma musica e essa musica me ajudou a ir conquistando o mercado e depois veio ‘Meteoro’. Então, cada passo, cada degrau sempre tive a ajuda dos meus fãs. Sou muito grato e sinto um carinho imenso por cada um deles.

Qual momento define como o mais inesquecível nesses anos?

O 1º show, em Bela Vista (10 anos atrás). Me marcou bastante por ser o ‘primeiro’, mas na verdade eu já batalhava fazia tempo. E também minhas primeiras matérias/entrevistas, primeira viagem, primeiro show internacional, tudo sempre foi muito emocionante… teve uma vez que cantei para 15 adolescentes com câncer no Sul do país que me emocionou bastante. Graças a Deus tive muitos momentos emocionantes nesses meus 10 anos de carreira e que estão guardados com muito carinho.

Teria feito algo diferente? 

Teria feito tudo igual e repetido tudo de novo. Não faria nada diferente, não. Cada conquista, cada cenário, cada musica, cada palco… seria tudo igual. A gente aprende a cada dia e a gente sempre projeta, mas temos que ter em mente que o que vivemos no presente um dia vai ser passado, e é isso o que irá nos formar para o futuro. Lógico que todo mundo tem destino e acredito nele, mas nós contribuímos. Existe o livre arbítrio e existe Deus no comando de tudo.

Como você cuida de seu corpo? Conte-nos um pouco sobre sua rotina de treinos e alimentação.

O que eu tenho feito no momento é esteira, exercício aeróbico quando dá tempo, uma alimentação mais balanceada e tenho tentado dormir melhor.

Você se considera vaidoso?

Não me considero vaidoso, não… me considero um cara que gosta de mudar de visual, de cabelo, curto um pouco roupa, mas não é uma vaidade, é normal.

Quem é responsável pelos seus looks? 

Minha mãe que cuida do meu look no palco e o look da vida. Ela tem cuidado muito das minhas coisas… minha mãe Mari, dona Marizete. (Risos) E nessa turnê ela contou com a ajuda do arquiteto Luís Pedro Scalise.

Como definiria seu estilo atualmente?

Meu estilo é sempre Luan Santana. Estar bem e ser feliz.

Você muda seu visual com frequência. Qual é o máximo de tempo que aguenta ficar com o mesmo cabelo?

Uma pessoa adulta tem em média 150 mil fios de cabelos. E cada um cresce um centímetro por mês em qualquer fase a vida. Como não ousar?

Sobre seu namoro com Jade Magalhães: casamento e filho à vista?

Penso em casar, em ter filhos com uns 30 anos… é minha ideia.

Do News Luan Santana

”Minha música atinge todos os públicos, quero sempre poder cantar para todo mundo…”, diz Luan Santana.
De casa nova! Luan Santana assina com a Sony Music
Luan Santana lança videoclipe em homenagem aos caminhoneiros
”Quero que, cada vez mais, meu trabalho siga a minha realidade, minha identidade”, diz Luan Santana
Luan Santana fala sobre planos para 2021

© 2010-2017 www.newsluansantana.com
Todos os direitos reservados.